Portuguese version English version

PORTUGAL / CONTINENTE / CAVAQUINHO / TÉCNICA

 
   
Uma das afinações mais versáteis:
MI SI LA RE (de baixo para cima)

Eis uma solução para um afinação mais fina

 
 
 
         
O Rasgado.

É o nome dado à técnica usada no Cavaquinho Minhoto. Trata-se de uma técnica peculiar pois permite fazer o ritmo, a harmonia e a melodia em simultâneo. Isto só possível porque, neste instrumento, o tampo situa-se ao mesmo nível que o braço o que deixa uma curtíssima distância entre as cordas e o tampo, não permitindo assim magoar os dedos na execução do rasgado.

Toca-se com  os quatro dedos menores da mão direita, ou apenas com o polegar e o indicador numa distância entre estes de mais ou menos 8 cm num movimento contínuo - de baixo para cima e de cima para baixo.

Trata-se de um instrumento com um grande número de afinações que, tal como no caso da viola, variam conforme as terras, as formas tradicionais e até os tocadores.

As afinações mais conhecidas e que perduraram até hoje são:
ré-lá-si-mi (do grave para o agudo)
ré-sol-si-ré (do grave para o agudo) mas usa-se também sol-sol-si-ré
lá-lá-dó#-mi (uma segunda acima e do grave para o agudo).
Em Barcelos, era preferida a de sol-dó-mi-lá> (afinação da «Maia»)

No separador ACORDES poderás encontrar os diagramas correspondentes a estas afinações.

 

 

 

 

 

 
   
  A. C. MUSEU CAVAQUINHO

Morada Rua Cova da Moura, 29 - 1º
1350 - 116 Lisboa
Portugal

Tel (351) 21 397 82 46

E-mail acmuseucavaquinho@gmail.com

 

 
     
 
       
 

 

© ASSOCIAÇÃO CULTURAL E MUSEU CAVAQUINHO.PT 2013