Portuguese version English version
 

BRASIL / CAVAQUINHO / HISTÓRIA

 

"Chorinho - "Pintura: Cândido Portinari

 


CAVAQUINHO DO BRASIL

Por Jorge Dias (do Centro de Estudos de Etnologia Peninsular e C. E. de Antropologia Cultural)
O CAVAQUINHO" - ESTUDO DE DIFUSÃO DE UM INSTRUMENTO POPULAR. 1965
(Separata da Revista de Etnografia Nº16/Museu de Etnografia e História). JUNTA DISTRITAL DO PORTO


Uma viagem através de grande parte dos estados brasileiros veio ajudar-nos a juntar bastantes elementos acerca do cavaquinho. Em parte nenhuma se encontra este instrumento tão difundido e popularizado como no Brasil. Tivemos ocasião de deparar inúmeras vezes com tocadores de cavaquinho. Encontra-se o tocador solitário que no comboio ou na romaria toca para si próprio; o tocador que toca em grupo, acompanhando a viola e dedilhando à maneira portuguesa; e, finalmente, o concertista citadino, virtuose, célebre, que atrai as multidões e ganha quanto quer. Entre estes últimos, sobressai Waldyr Azevedo, o músico que talvez mais tenha ganho ultimamente com a venda de discos. Mas, neste caso, embora o instrumento seja o mesmo, o uso da palheta deu-lhe novas possibilidades e o artista dispõe de mais recursos para tirar novos efeitos e variações do que tem o músico popular. De instrumento rítmico e harmónico, o cavaquinho passou a ser, assim, um instrumento melódico.

Vamos dar aqui uma resenha de todos os elementos que sobre o cavaquinho conseguimos reunir na bibliografia brasileira, para podermos tirar algumas conclusões provisórias sobre este curioso caso de difusão.

 

 

 

 

 
   
  A. C. MUSEU CAVAQUINHO

Morada Rua Cova da Moura, 29 - 1º
1350 - 116 Lisboa
Portugal

Tel (351) 21 397 82 46

E-mail acmuseucavaquinho@gmail.com

 

 
     
 
       
 

 

© ASSOCIAÇÃO CULTURAL E MUSEU CAVAQUINHO.PT 2013